Bossa Comunicação inaugura o seu novo núcleo de artes e entretenimento, que conta com nomes como Alli Willow, Julia Lund e Vitor Julian.

A agência de assessoria de marketing e comunicação, Bossa Comunicação, estreia para o ano de 2022 seu novo núcleo de artes e entretenimento, contando com nomes em ascendência no audiovisual brasileiro como Alli Willow, Julia Lund e Vitor Julian. Estreando sua nova identidade e posicionamento 360°, a agência planeja apoiar e fortalecer o mercado cultural brasileiro.

Por Portal City News - Sérgio Araújo 12/05/2022 - 18:45 hs
Foto: Divulgação
Bossa Comunicação inaugura o seu novo núcleo de artes e entretenimento, que conta com nomes como Alli Willow, Julia Lund e Vitor Julian.
Alli Willow, Julia Lund e Vitor Julian.

Com expertise de 15 anos contando histórias de marcas, pessoas e negócios, a agência de assessoria de marketing e comunicação Bossa Comunicação que estreia em 2022 nova identidade e posicionamento Bossa 360°, inaugura oficialmente neste mês de maio o seu núcleo de artes e entretenimento, no qual atenderá artistas das diferentes áreas com ênfase em atrizes e atores.

Para dar o start no núcleo de artes e entretenimentos da Bossa 360°, a agência irá representar, cuidando da assessoria de imprensa e marketing, três dos jovens nomes mais festejados e promissores do cinema nacional: Alli Willow, Julia Lund e Vitor Julian.

A atriz franco-americana Alli Willow, que tem a veia da arte na família, com o pai que é diretor de cinema e radicada no Brasil, já vivendo no país há 8 anos, é um dos nomes fortes da produção audiovisual atual. Protagonizou o elenco de filmes como Bacurau e nesse ano uma série de lançamentos envolvem o nome da atriz, entre eles as séries “Arcanjo Renegado, “200 Anos" de Luis Fernando de Carvalho, “O Jogo Que Mudou a História", entre outros.


A atriz carioca Julia Lund, cofundadora da Cia Polifônica, apesar de jovem é uma atriz experiente e já soma indicações para prêmios em diferentes trabalhos no teatro e na televisão. No final deste mês de maio estreia na próxima novela das 19hrs da TV Globo, “Cara e Coragem”, interpretando a delegada Marcela.


Uma das apostas dos diretores e produtores de elenco, o jovem ator paulistano de 23 anos Vitor Julian protagonizou ao lado de Rodrigo Santoro um dos filmes mais assistidos do último ano, “7 prisioneiros’’. Aclamado pela crítica com o personagem e com estreias previstas no teatro e no cinema ainda nesse ano, Julian desponta como um nome ascendente na safra de jovens artistas. Além de ator, é dramaturgo e estuda direção na SP Escola de Teatro.


Com a estreia do núcleo, a Bossa Comunicação busca se consolidar com uma atuação 360°, atendendo seguimentos de Moda, Design, Cultura, Gastronomia e Entretenimento. Tendo entre os clientes atendidos MyBasic, Moun, Rede Manual, FAM Festival, Jazz nos Fundos, JazzB, Irrita, Juliana Schalch, Carol Soldberg, Projeto Akra, Huis Clos, Mercado Circular, Weider Silveiro, Helena Pontes, Luisa Meirelles, entre outros.

Com propósito de desenhar junto aos clientes marcas fortes e estratégia de comunicação personalizada e cuidadosa, o time da Bossa Comunicação espera com isso apoiar e fortalecer o mercado audiovisual e cultural brasileiro, seguimentos tão raros e especiais para a agência e sua equipe.

Segundo o diretor da agência, o jornalista e relações públicas Vinicius Aguiar "Este é um ano importante para o posicionamento da agência com a consolidação no posicionamento Bossa 360°, que tem como propósito respaldar os nossos clientes nas diferentes pontas que tangem o posicionamento de mercado e comunicação para além da assessoria de imprensa. Utilizando ferramentas de marketing, tem um relacionamento estreito com jornalistas das diferentes mídias e veículos, nossa missão é criar marcas fortes, desejadas e relacionamento estreito entre as marcas e pessoas atendidas por nós, no mercado nacional e internacional. Como um amante da arte, estrear o núcleo de artes e entretenimento é um motivo de celebração, especialmente em um momento no qual a cultura em nosso país está sucateada, dar voz aos artistas nacionais torna-se, então, uma missão para nós."